Login to your account

Username *
Password *
Remember Me

Create an account

Fields marked with an asterisk (*) are required.
Name *
Username *
Password *
Verify password *
Email *
Verify email *
Captcha *
Reload Captcha

Temer viaja, e Cármen Lúcia assume a Presidência da República pela segunda vez

presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, assumiu a Presidência da República nesta segunda-feira (18). É a segunda vez no ano que a ministra ocupa o cargo, após viagem do presidente Michel Temer.

Também saíram do país para viagens oficiais os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE). Como o Brasil não tem vice-presidente no momento, eles seriam os primeiros a suceder Temer em caso de viagens. A próxima na linha sucessória é a presidente do STF.

Cármen Lúcia exercerá a Presidência da República até a noite desta segunda, quando Temer volta de reunião de cúpula do Mercosul, no Paraguai.

Maia cumpre agenda em Portugal e Eunício tem compromissos na Argentina. Questionadas pelo G1, as assessorias do presidente da Câmara e do Senado confirmaram que as viagens foram agendadas em razão da ida de Temer à reunião do Mercosul.

 

Regras eleitorais

 

Com a proximidade das eleições de outubro, Rodrigo Maia e Eunício Oliveira optam por viajar para o exterior quando Temer sai do país. Eles preferem evitar o risco de, por causa das regras eleitorais, ficarem impedidos de disputar as eleições se assumirem a Presidência da República, ainda que provisoriamente.

Especialistas consultados pelo G1 explicam que, no caso de ficarem no exercício da Presidência da República por algum período nos seis meses anteriores à eleição, Maia e Eunício só poderiam concorrer à Presidência. Ou seja, não poderiam disputar outros cargos nas eleições de outubro.

 

Agenda de Cármen Lúcia

 

Cármen Lúcia assumiu a presidência pela segunda vez no ano. Em 13 de abril, a ministra despachou do Planalto graças às viagens de Temer ao Peru, de Maia ao Panamá, e de Eunício ao Japão.

Na ocasião, a presidente do STF recebeu juristas, políticos e ministros de Estado. Ela optou por não utilizar a mesa de Temer no gabinete presidencial, e despachou de uma mesa redonda, usada em reuniões maiores.

Avalie este item
(0 votos)

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Mais recentes

Nossos Contatos

Entre em contato conosco

WhatsApp - (000)-00000-0000

Celular - (000)-00000-0000

Fixo - (000)-0000-0000

Email - meuemailvaiaqui@email.com

ANUNCIE EM NOSSO SITE E APAREÇA DE VERDADE

TEMOS UM ESPAÇO ESPECIAL PARA SEU ANUNCIO

 

Imagens das Postagens

Caminhoneiro picuiense sofre grave acidente e morre próximo a Pedra Lavrada/PB

Homem é preso suspeito de integrar quadrilha de roubo de máquinas agrícolas

STF conceder liberdade a Lula seria ‘esculacho da Justiça’, diz Bolsonaro

Alckmin diz que apoio de Temer seria ‘honroso’

Google lança Android Go no Brasil, aposta para celulares baratos

Os carros voadores do fundador do Google

Kim Kataguiri de esquerda? É a era das estupidezes via WhatsApp

E3 2018: Microsoft e Bethesda

Edição genética pode aumentar o risco de câncer, alerta estudo

PORTAL DE NOTICIAS GALERA POLITICA © 2019 ERIHOST Monte sua rádio agora, Tim: (19) 98122-0247